notaR

Um sistema para notas automatizadas em cursos que utilizam a linguagem R


 


201.2 Troncos ocos

Numa floresta nativa foram colhidas 10 árvores de mogno (Swietenia macrophylla), 10 de andiroba (Carapa guianensis) e 10 de cedro-rosa (Cedrela fissilis). Sabe-se que a taxa de árvores com tronco oco para essas espécies é de 20%, 40% e 70%, respectivamente. Suponha que a ocorrência de ocos em cada árvore sejam eventos independentes.
  1. Crie três vetores chamados mogno, andiroba e cedro contendo com as probabilidades para cada valor da variável "número de árvores com tronco oco na amostra". Este vetor é a função de massa probabilística da variável.
  2. Construa o gráfico desses valores de probabilidade para cada valor da variável. Esse gráfico não deve estar no script entregue.
  3. Crie um vetor chamado esperanca contendo o número esperado de árvores de tronco oco na amostra, para cada espécie. Os valores devem estar na ordem do enunciado (mogno, andiroba, cedro).
  4. Em qual espécie espera-se maior variabilidade quanto ao número de árvores ocas na amostra? Guarde o nome (popular) dessa espécie no objeto variada.

 

Submeter resposta ajuda?

 

Escolha o arquivo de resposta usando o botão acima